Por Fernanda Beziaco

Sexta-feira! Ueba!
Hoje vou falar sobre “a rainha do crime”, “duquesa da morte”… já sabem de quem estou falando?

A senhora Agatha Christie.

Escolhi a última obra dela com o detetive Hercule Poirot pra mostrar pra vocês. Cai o pano.

O nome original do livro é Curtain. A edição desse livro que tenho é bem antiga, as folhas já estão bem manchadas e envelhecidas. Um clima nostálgico ao ler. Uma curiosidade é que a tradução foi feita pela  Clarice Lispector.

Como na maioria de seus livros, quem narra a história é o grande amigo de Poirot, Arthur Hastings, nesta obra Agatha mata Poirot, segundo alguns comentários vistos na internet, ela teria feito isso para não correr o risco de ter histórias não autorizadas por ela publicadas após sua morte. 

O cenário desta história é o mesmo do primeiro caso resolvido por Poirot, em Styles. Onde também Hastings o conhece. Neste local, uma série de assassinatos é desencadeado e é essa a última missão do detetive. Resolver seu último caso e morrer. Porém, uma grande surpresa está reservada para o leitor.

Se você é como eu e já leu muitos livros da autora, provavelmente vai ter uma pista do final do livro por volta do quinto capítulo, agora se você não está habituado a ela, realmente será um choque.

Mas voltando… a história acontece em uma espécie de hotel, uma casa com um ar meio sombrio, pois lá já aconteceu um assassinato anteriormente. Nesta casa há vários hóspedes e Poirot acredita que entre eles existe um assassino, responsável por outras mortes que aparentemente não tem ligação nenhuma com a que está para acontecer.

Bom, só posso contar até ai, o restante vocês terão de ler. Garanto que é um suspense interessante.
Apenas mais um comentário, Agatha Christie escreveu mais de 80 livros. Seus livros se dividiam entre as aventuras de Hercule Poirot e Miss Marple (outra personagem “detetive” em suas histórias). Até hoje, eu li, se não me falha a memória, 13 livros dela. Já ouvi muitas pessoas criticarem suas obras, mas devo admitir que são histórias divertidas, mesmo tratando-se de assassinatos.

Já sabe, gostou ou não, abra a matraca antes de sair!

Até a próxima sexta 😉

twitter

facebook

Anúncios