Por Marco Barone

Sinceramente, eu acho uma tremenda sacanagem a ideia de que adulto não pode fazer certas perguntas. Parece que a gente cresce e todas as dúvidas que tínhamos quando criança desaparecem, perdem o sentido. Mas isso é pura balela.

A fase dos “por quês” não desaparece conforme se cresce. No máximo, mudam de tom. Mas essas questões existem e nunca deixarão de existir. E digo mais: mesmo adultos, ainda temos dúvidas que não foram esclarecidas quando criança e continuam ainda hoje.

Com a ajuda da nossa infalível amiga “internet” pesquisei alguns questionamentos que nossos filhos nos fazem – e que fizemos aos nossos pais – e que a maioria não respondeu.

Assim, vamos lá. As coisas podem parecer bobas, mas “duvido” que um dia você não se perguntou o “porque” disso…

– Qual a razão da lua ser branca e o sol vermelho? – Na realidade, a lua nem sempre é branca como o sol nem sempre parece vermelho. Isso depende da posição em que esses astros se encontram no céu. Mesmo assim, a cor dos planetas e satélites dependem das camadas da atmosfera a qual está cheia de partículas de várias naturezas o que faz com que a nossa visão dos astros mostre uma cor “poluída”, porque nossa visualização se dá através das partículas suspensas no ar.

– Por que a gente espirra? – Esse é o jeito que o corpo encontra de expulsar aquilo que está fazendo mal ao nariz, à garganta ou aos pulmões. Então, se a gente respira alguma coisa que faz o nariz coçar ou incomoda a gente por dentro, como poeira ou pelos de animais, o nariz se encarrega de jogar a coisa para fora, antes mesmo que a gente perceba.

– Por que as unhas crescem? – As células da base da unha estão vivas e estas estão se dividindo constantemente por isso que a unha cresce. As unhas continuam a crescer mesmo depois que a pessoa morre, pois enquanto elas mantêm a energia para que essa divisão (mitose) ocorra.

– De que são feitas as nuvens e por que elas são brancas? – As nuvens são compostas basicamente por água, seja na forma de gelo ou gotas pequenas. Essas gotas espalham e absorvem a luz que nelas incide. Dado o tamanho das gotas, o processo de espalhamento é chamado Mie. Em contraste com o espalhamento Rayleigh que dá a cor azul do céu, o espalhamento Mie não favorece as freqüências altas, mas é mais ou menos independente da freqüência, por isso que a cor da nuvem depende da luz que nela chega. Luz de aurora ou por-do-sol são ricas em vermelho, as nuvens espalham e ficam com aquela cor maravilhosa; luz de sol a pino, mais azul e verde que no caso de sol nascente, o espalhamento mistura as componentes e temos nuvens brancas. Ou seja, elas não são brancas, pois sua cor depende da cor da luz que incide sobre elas.

– Do que é feita a neve e por que ela cai do céu? – A neve é constituída de minúsculas gotículas de água que congelam por causa do frio excessivo. É um vento vertical que a joga para cima e para baixo, até que elas estejam mais pesadas o suficiente para cair sobre a forma de flocos de gelo. Quando chegam ao chão, essas gotículas derretem, mas congelam se novamente muito rápido, formando assim aquela camada de gelo.

– Por que os dedos murcham na água? – Porque a camada externa da pele do dedo é composta por uma proteína — a queratina — que pode absorver água como uma esponja. A camada externa da pele da ponta dos dedos é «fixa». Para caber o volume de água absorvido, a pele enruga.

– Por que temos um pé maior que outro? – Somos seres assimétricos. Se traçarmos um plano vertical dividindo o corpo humano em lado direito e esquerdo, perceberemos que muitas partes possuem dimensões diferentes. Não só pés, pois podemos ter mãos, olhos, seios etc de tamanhos diferentes.

– Por que a urina tem cores diferentes? – A urina humana, assim como a urina de outros animais, é composta principalmente de água (95%, em média), mas contém também uréia, ácido úrico, sal e outras substâncias, sendo expelida durante o ato de urinar. Ela possui várias características como sabor salgado e cor amarela. Essa cor do “xixi” se deve à propriedade de ela expelir substâncias nocivas ao organismo. A cor amarela tem origem nos seus componentes, como a amônia. Se ingerirmos mais água, a tendência é que a urina fique mais clara. Em contrapartida, se temos algum problema de saúde, como diabetes, ou se ingerimos algum alimento diferente, a tendência é que o “mijo” fique mais escuro ou com partículas de sangue (vermelho), por exemplo.

– Por que as fezes têm cheiro? – O odor característico das fezes se deve a ação bacteriana. Quando digerimos os alimentos, tudo o que não é absorvido é eliminado pelo organismo nas fezes. A esse montante não digerível se associa os microorganismos da microbiota (da fauna intestinal) que morrem e também são eliminados nas fezes. Os gases da decomposição (por esses mesmos microorganismos) também colaboram para o cheirinho ruim das fezes. Outra coisa, essas bactérias são as responsáveis pela liberação de gases, os puns, que também costumam ter cheiro ruim.

– Por que os gatos sempre caem em pé? – Primeiro, ele não cai sempreem pé. Para que ela faça isso é necessário que ocorra uma transmissão das mensagens nervosas entre os olhos, os ouvidos, os músculos e as articulações. No gato isso é muito rápido e faz com que o animal tenha um grande equilíbrio. Porém, para que ele caia em pé, é necessário que a queda lhe dê tempo suficiente para retomar o equilíbrio.

– Por que se forma o muco no nariz? – o famoso “ranho” é produzido pelo nosso nariz e serve de auxilio aos nossos pelos, ajudando-os na função de filtro. Ou seja, o muco, juntamente com os pelinhos que nós temos no nariz, tem o papel de filtrar o ar que respiramos, retirando as impurezas do mesmo e deixando passar apenas o ar limpo que vai direto para o nosso pulmão. As pessoas alérgicas sentem bastante agonia no nariz porque ele acumula a poeira. Da mesma forma que, ao passarmos por um lugar bastante poluído, o nariz fica bastante sujo a ponto do muco mudar sua coloração. Ah, a cor normal do ranho é de incolor a branco.

– O que molha mais: correr ou andar na chuva? – Depende do tipo de chuva. Se a chuva estiver caindo em sentido perpendicular ao chão, não importa se a pessoa está parada, andando ou caminhando. Ela vai se molhar da mesma forma. Agora, se a chuva estiver caindo de forma inclinada, quando a pessoa corre, ela se molha mais rapidamente. A Física explica: se a pessoa correr, vai receber mais água porque a vazão é o resultado da área multiplicada pela velocidade. Quando se corre, a velocidade relativa aumenta, então, a vazão de água aumenta e a pessoa se molha mais.

É claro que essas dúvidas representam uma pequena (e bota pequena nisso!) parte do que podemos sonhar em perguntar, mas servem para começarmos um bom papo. Vou voltar ao tema em posts futuros. Mandem suas questões, que pesquisarei e tentarei responder (deste que seja uma cultura realmente inútil)…