Por Mariana Bernun

Armando-Queiroz-Pilatos-2010

Sejam bem vindos Matraqueiros a mais um sábado!

Bom, hoje chega como ator principal do meu post o Instituto Tomie Ohtake, um dos principais centros expositivos da arte contemporânea. O local está assoprando as velinhas e comemora 10 anos de muita arte. Para nosso desfrute, acontece a Mostra Os Dez Primeiros Anos, que faz um apanhado de artistas brasileiros que fizeram parte da história do Instituto.

Na instalação é possível encontrar obras emblemáticas do século XXI, que demonstram a inquietude dos artistas e a visão de mundo dos mesmos. Este presente artístico fica até 26 de fevereiro, e quem estiver por lá pode aproveitar a deixa e visitar também a expo de Steve McCurry, famoso por fotografar uma adolescente afegã para a revista National Geographic em 1984.

Steve Mccurry

A obra de McCurry é realmente de impacto, impossível não deparar-se com uma imagem dele e admirá-la, sem contar no dom que ele tem com as cores fortes e marcantes, e os temas que são de grande influência política. Dentre uma das tantas montagens está uma série com o último rolo do filme Kodachrome, criado em 1935 pela Kodak e produzido até 2009, considerado entre os artistas o rolo que reúne a perfeição da imagem cromática.

Realmente o local reúne arte de primeiríssima qualidade, vale a visita pessoal!

Serviços: Os Dez Primeiros Anos
Onde: Instituto Tomie Ohtake – Rua Coropés, 88 – Pinheiros(11) 2245-1900
Quando: de 12/12 a 26/02