Por Marco Barone

Como havia falado, este é o último texto da trilogia sobre as empresas. Depois de falar sobre a origem dos nomes de diversas companhias nacionais e internacionais, vamos a um pouco mais de cultura inútil sobre o mundo empresarial. Você já parou para pensar sobre o que significa a marca daquele determinado grupo? Afinal, por que a Coca-Cola tem aquelas ondinhas? Por que a Nike é um visto? Vamos matar a curiosidade de todos

O bom é que este assunto não se esgota. Mais para frente podemos retomar o assunto, pois ainda há muito a ser explicado, como, por exemplo, a origem dos produtos que mais conhecemos hoje e não somente de seus nomes.

  Editora Abril – abril é o mês da primavera na Itália, país de origem do fundador, daí o nome e o símbolo de árvore
  Credicard – no meio se vê um cartão, circulado por duas elipses. A ideia é que o cartão de crédito expande os horizontes
  LG – além das letras do nome da empresa, se vê também um rosto sorridente. A ideia é mostrar que o homem e a tecnologia podem se conectar
  Hyundai – o “H” do nome também simboliza duas pessoas dando um aperto de mãos
  Terra – mais um simbolismo com elipses. Nesse caso, elas formam uma janela que transporta o internauta para o mundo
  Carrefour – essa eu já mencionei. O símbolo representa o “C” do nome da empresa e as cores são da bandeira da França, país de origem da rede
  Hering – os dois peixes são “arenques’ que, em alemão significam Hering, o sobrenome dos fundadores
  Nestlé – Essa eu também já falei, Nestlé significa “ninhozinho” em francês. Sobrenome dos fundadores, que eram suíços
  Apple – além de ser a fruta favorita de Steve Jobs (também já falei), ela faz uma referência a Isaac Newton, físico que desenvolveu a Lei da Gravidade, e a mordida é o senso de descoberta
  Yamaha – são três diapasões – usados para afinação de instrumentos musicais – e remetem à origem da empresa, que produzia…instrumentos musicais
  Chevrolet – Diz a lenda que o logotipo em forma de gravata borboleta foi baseado na ilustração do papel de parede de um hotel em Paris onde um dos fundadores da marca, William Durant, teria se hospedado, em 1908
  Ford – O círculo oval guarda a assinatura que seu fundador, Henri Ford, usava. Ele assinava dessa forma
  Mercedes-Benz – A estrela de três pontas representa a fabricação de motores para uso na terra, água e mar. Surgiu depois que Gottlieb Daimler enviou cartão postal para sua mulher, dizendo que a estrela impressa no cartão iria brilhar sobre sua obra
  Itaú – significa pedra preta/escura. Quando a logomarca foi criada, em 1973, ela era preta com a tipografia em branco. A imagem ao fundo é uma pedra, e nela está gravado o nome. É uma gravura em pedra para ser eternizada
  Rede Globo – O projeto é de autoria do designer austríaco Hans Donner, criador de diversos logotipos da emissora desde 1973. Segundo ele, a esfera representa o mundo, e o retângulo, uma tela de televisão que exibe o próprio mundo
  Coca-Cola – alguns contam que o logo surgiu de um engano. Ao explicar para um escritório de patentes, os profissionais não entenderam a pronuncia do xarope criado pelo farmacêutico John Pemberton. O que, na pesquisa deles, mais se aproximou era a palavra “cocoa” (cacau). Daí as ondulações que lembram as folhas e galhos da árvore de cacau. Mas a origem é simples: o nome foi escrito com a própria caligrafia de Frank Robinson, contador e sócio de Pemberton, que criou o nome da empresa
  Nike – a curva representa uma asa da deusa da vitória na mitologia grega, Nike – daí o nome da marca. Para ver que eu não me enganei quando disse que lembrava um visto, o símbolo intencionalmente lembra o sinal de “ok”, “checado”
  Mont Blanc – Mont Blanc é o nome da mais alta montanha da Europa. A estrela branca, gravada nas tampas das cantes, simboliza o pico nevado da montanha. Outra curiosidade: o número marcado nos produtos, 4.810, corresponde à altura da montanha
  Amazon – como já disse, o nome da empresa foi escolhido pelo seu fundador para ter as letras “a” e “z” e nome se refere a maior rio do mundo em volume de água, o Amazonas. O arco ligando o A ao Z simboliza que a Amazon vende tudo “que seja banhado pelo sol”.  Dá forma também a um sorriso, para simbolizar que a empresa é amigável e próxima de seus consumidores
  FedEx – olhando-se para o logo se nota a flecha apontando para a direita entre o ‘E’ e o ‘X’, representando precisão e velocidade, os dois principais valores da FedEx
  Unilever – cada ícone no logo representa um aspecto do negócio da Unilever. Por exemplo, a camiseta abaixo do coração simboliza “roupas” e representa a roupa limpinha recém-saída da lavanderia
  Lacoste – a marca foi fundada pelo tenista René Lacoste juntamente com André Gillier em 1933. O tenista tinha sido apelidado de “Le Crocodile” pela imprensa americana durante a Davis Cup em 1927, por causa de uma aposta que valia uma pasta de pele de crocodilo. O animal acabou virando o símbolo da marca
Anúncios